Home

Tem um movimento aqui na Argentina que chamo de incompletista, ainda que uma expressão adequada seria acortamiento, cuja definição wikipediana diz o seguinte:

Se denomina en general acortamiento en morfología, subdisciplina de la gramática, al procedimiento de creación de nuevas palabras o neologismos al eliminar partes de ella al final o al comienzo de otro vocablo.

Cada parte eliminada (fenômeno esse denominado metaplasmos de supresión) tem inclusive um termo próprio: assim, a eliminação da primeira parte é a aferésis, a segunda, síncopa, e por fim, a mais argentina das eliminações, ou ainda, dos metaplasmos, apócape.

.Ainda que esse fenômeno seja registrado em outras línguas, como por exemplo o inglês, que adquiriu notoriedade no inglês do novo mundo, com o  “bro” e o  “sista”, mas não só, e também no Brasil, cujo expoente é o Patropi, aluno ilustre do Professor Raimundo na escola  homônima, mas novamente, não só, uma vez que o Jorge Ben também mora num pa tro pi – tal qual o próprio Patropi – na Argentina talvez esse vício de linguagem se manifeste de forma transsocial, atingindo os pobres, os ricos, as mulheres, os homens, os jovens e os velhos. É interessante observar que é além de transsocial, translexical, mas pode ser que seja ainda mais democrático quando se refere ao léxico das gadgets: tele, compu, celu.

Mas ojo! diriam eles. O incompletismo também está presente no jargão específico da ciências sociais, para definir as duas correntes de pensamento hegemônicas lá por aquelas bandas (no caso, as bandas da rua Marcelo T. e da rua Santiago del Estero, no bairro Constitución): a corrente posmo e a corrente trosko, versões incompletistas para posmoderno e trotskista (um dia me aprofundo mais nessa dicotomia).

Deixo aqui alguns dos mais adoráveis incompletismos, de uma lista de muitos, pra você chegar aqui falando como um argento: bici, tranqui, revo (o fantástico incompletismo para revolucionário!), abue (abuelx), peli (película), porfa, presi (presidenta) e progre (pregresista), dire (de dirección, que é endereço).

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s